Vídeo aula de Trombose Venosa

A Trombose Venosa Profunda é uma doença grave causada pela formação de coágulos no interior das veias profundas da perna. Esta doença é perigosa, pois coloca em risco a vida do paciente. Uma das principais consequências é a embolia de pulmão, que pode complicar uma internação ou até levar à morte. Pode ter várias causas, e uma delas é a presença de Varizes de Membros.

Fatores de risco

Os principais fatores de risco para a trombose venosa profunda, além das varizes, são: idade maior que 40 anos, obesidade, pessoas que já tiveram trombose, uso de anticoncepcionais, terapia de reposição hormonal, câncer, gestação e período pós-parto, entre outros. Pessoas com predisposição trombótica, isto é, indivíduos com tipo A, B e AB do sistema sanguíneo ABO têm de duas a quatro vezes maior possibilidade de desenvolver trombose do que os de tipo O.

Tratamento

Para realizar o diagnóstico da trombose o especialista realiza um exame semelhante ao ultrassom, que identifica com precisão o tamanho do coágulo e sua localização. Com o resultado dos exames o médico poderá indicar o tratamento adequado. Dependendo da gravidade do paciente é indicada a cirurgia para desobstruir o vaso sanguíneo. E, acompanhamento com medicação, com o intuito de prevenir a formação de novos trombos.

Após realizar o tratamento é indicado ao paciente a prevenção contínua da trombose venosa profunda, que pode ser feita através da prática de caminhadas regulares. Os movimentos com os pés para as pessoas que precisam estar sentadas por muito tempo, e para os fumantes, a ordem é abandonar o cigarro.


 

Calça apertada pode afetar circulação e saúde íntima de homens e mulheres

Calca-apertadaA consequência de usar uma calça apertada demais pode extrapolar o mero desconforto. Nesta semana, médicos descreveram um caso ocorrido na Austrália em que uma mulher sofreu lesões nos nervos e músculos da perna por ficar muito tempo agachada vestindo uma calça skinny. Questões relacionadas à circulação, à digestão e à saúde íntima de homens e mulheres também podem ser desencadeadas pelo excesso de aperto dos jeans da moda.

De acordo com o médico angiologista Dr. Henrique Lamego, uma calça extremamente apertada pode impedir uma circulação adequada. “Se a calça vai até o tornozelo, o sangue chega até o pé, mas não consegue voltar. O pé vai inchando e o inchaço sobe gradativamente até a virilha”, explica. Portanto formigamento, inchaço, dor e até lesão nos nervos, em casos mais críticos, podem ocorrer.

 

Para ler a matéria completa do programa BEM ESTAR acesse o site do G1  clique aqui


 

Obesidade e hormônios aumentam risco de varizes em adolescentes

varizes-adollecentesNão é somente em organismos adultos que o problema das varizes aparece. As chamadas veias varicosas, que têm o volume aumentado e se tornam tortuosas com o passar do tempo, também podem aparecer nas pernas e nos pés dos adolescentes. O problema é hereditário, mas também pode surgir em jovens obesos, sedentários e que já tenham usado hormônios para ganho de massa muscular e anticoncepcionais.

“Em um organismo sadio, o fluxo do sangue no interior das veias ocorre no sentido do coração. Considerando os membros inferiores, no sentido dos pés ao coração, o fluxo é contrário à força da gravidade. Porém, graças as válvulas que existem dentro das veias, o sangue não retorna para baixo”, explica Dr. Henrique Lamego, cirurgião vascular do Hospital Samaritano, de São Paulo. No entanto, quando existe algum defeito nessas válvulas, elas não conseguem evitar que o sangue volte. Então, o sangue reflui e provoca um aumento da pressão no interior das veias, o que faz com que elas dilatem.

Para ler a matéria completa do UOL Mulher acesse o site  clique aqui